Policial

Saiba quem é a traficante “Hello Kitty” morta no Rio de Janeiro

Ela era uma das criminosas mais procuradas do Estado

Bruna Padilha
Bruna Padilha
Publicado em 16/07/2021 às 15:51
NOTÍCIA
Reprodução/Instagram e Facebook
FOTO: Reprodução/Instagram e Facebook
Leitura:

Rayane Nazareth Cardozo da Silveira, de 20 anos, conhecida como “Hello Kitty", foi a gerente do tráfico em São Gonçalo, no Rio de Janeiro. A jovem era uma das criminosas mais procuradas do Estado.

Rayane foi morta na manhã desta sexta-feira(16) após uma troca de tiros em uma operação da Polícia Militar. Ela era o braço direito do homem apontado pela polícia como chefe do tráfico do Salgueiro, seu pai, Alessandro Luiz Viera Moura, que também morreu na operação.

De acordo com as investigações da Policia Civil, Rayanne começou no crime no Morro da Ilha da Conceição. Nas redes sociais ela mostrava fotos com armas e uma tatuagem de gueixa na perna.

A família era evangélica e a mulher chegou a cantar na igreja antes de ser uma das mais procuradas do Estado.

Operação

Segundo informações da PM do Estado do Rio de Janeiro, após denúncias de que uma família estaria sendo feita de refém na comunidade do Itaoca, no complexo do Salgueiro, a operação foi iniciada. Em meio a ação, houve troca de tiros entre policiais e traficantes que resultaram na morte de Hello Kitty e seu pai.

Hello Kitty entrou na mira da polícia após ser identificada por uma série de roubos na Região Metropolitana do Rio e era investigada por crimes como roubos e homicídios. 

*Informações do Jornal do Commercio

Mais Lidas