menu

Mulher atacada pelo ex-patrão com ácido no rosto teme perder visão de um olho

Faxineira disse que está com dificuldade para enxergar

Idoso é suspeito de jogar ácido em mulher após briga
Idoso é suspeito de jogar ácido em mulher após briga (Reprodução/Arquivo pessoal)

A faxineira de 31 anos que foi atacada pelo ex-patrão, um idoso de 70 anos, com um ácido no rosto nessa segunda-feira (19) teme perder a visão de um dos olhos e está com dificuldade para enxergar. A mulher foi a um oftalmologista na tarde dessa quarta-feira (21) após receber os primeiros socorros.

"O olho está bem inflamado. O médico não pode mexer porque não tem como mexer enquanto estiver infeccionado. [...]. A minha visão está muito turva. Não consigo enxergar", disse, em entrevista ao G1.

Ela registrou um boletim de ocorrência afirmando que o ex-patrão teria a atacado com uma mistura de ácido muriático, formol e soda.

A faxineira revelou que conhecia o idoso há mais de 10 anos e trabalhava na casa dele há quatro anos.

*Informações do G1 Rio Preto e Araçatuba

Relembre o caso

Um idoso de 70 anos é suspeito de jogar um ácido em uma ex-funcionária durante uma discussão após demiti-la na tarde dessa segunda-feira (19) em Catanduva, São Paulo. O momento foi registrado em vídeo e as imagens estão chamando a atenção da internet.

O idoso é fabricante e vendedor de produtos de limpeza e teria discutido com a funcionária depois que ela derrubou um dos materiais acidentalmente.

A mulher voltou para a casa dela e o idoso teria ligado para ela em seguida e ameaçado o filho dela. A ex-funcionária voltou para a residência do homem e ele teria jogado um ácido após a discussão. Ela foi levada para o Hospital Padre Albino e já recebeu alta. O homem ainda não foi encontrado. O caso está sendo investigado pela polícia.

Veja o vídeo: