Processo

"Bebê do Nirvana" processa banda por exploração sexual pela capa do disco "Nevermind"

Spencer Elden atualmente tem 30 anos e disse que a foto foi feita sem seu consentimento

Marília Pessoa
Marília Pessoa
Publicado em 25/08/2021 às 10:51
NOTÍCIA
Reprodução
FOTO: Reprodução
Leitura:

Spencer Elden, o bebê de 4 meses de idade que aparece na capa do clássico disco "Nevermind", do Nirvana, está processando a banda, os acusando de exploração sexual e pornografia infantil. Atualmente, ele tem 30 anos e alega que a foto da capa foi feita sem o seu consentimento.

Sobre o processo

Segundo o processo, Elden disse que sofreu "danos ao longo da vida" por ter seu corpo nu na capa de um disco. O CD foi lançado no dia 24 de setembro de 1991 e vendeu 30 milhões de cópias no mundo, mas Elden e a família receberam apenas 250 dólares pelas fotos e não os pais não teriam assinado uma autorização de direito de imagem.

O processo acusa a banda, o fotógrafo e as gravadores de comercializarem "intencionalmente a pornografia infantil de Spencer". Atualmente, Elden diz que o caso teve "interferência em seu desenvolvimento normal e progresso educacional, (...), perda de salários passados e futuros, (...) perda do gozo da vida, e outras perdas a serem descritas e comprovadas no julgamento desta questão".

*Com informações do G1 e Social 1

Mais Lidas