crime

Corpo de MC assassinado é desenterrado de cemitério e queimado

Cantor de brega funk disse que vinha sendo ameaçado nas redes sociais

Lyllyan Belo
Lyllyan Belo
Publicado em 26/10/2021 às 15:28
Notícia
Reprodução/Instagram
MC foi morto a tiros na madrugada do domingo (24) - FOTO: Reprodução/Instagram
Leitura:

O corpo do artista pernambucano João Victor, conhecido como MC Pitt Bull da Firma, foi desenterrado e queimado um dia após ser sepultado. O MC foi morto a tiros na madrugada do domingo (24), em Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife.

O cantor de brega funk disse que vinha sendo ameaçado nas redes sociais por ser confundido com outro rapaz, que estaria envolvido em um homicídio. O MC chegou a fazer uma corrente nas redes pedindo ajuda aos amigos e fãs.

O músico foi sepultado no Cemitério São José, também no Cabo. O local foi isolado e interditado para que o trabalho da perícia acontecesse na manhã desta terça-feira (26).

O corpo foi exumado e incendiado na noite da segunda-feira (25). De acordo com informações divulgadas pela TV Jornal, imagens que mostram o suposto corpo do MC em chamas foram postadas no Instagram por grupo que se diz responsável por queimar os restos mortais da vítima. “O inferno te espera”, dizia o texto na imagem.

Segundo a Polícia Civil, o caso segue sob investigação e, no momento, outras informações não serão divulgadas para não atrapalhar o andamento das diligências.

*Com informações JC e TV Jornal

Reprodução/TV Jornal
Vídeo foi publicado no Instagram - FOTO:Reprodução/TV Jornal

Comentários

Mais Lidas