Política

Ativistas jogam fezes em prefeitura que fará homenagem a Bolsonaro após críticas da Diocese

A prefeita da cidade decidiu conceder o título de cidadão honorário ao presidente

Lyllyan Belo
Lyllyan Belo
Publicado em 29/10/2021 às 16:28
Notícia
Reprodução/Instagram
A frase "Fora Bolsonaro" também foi pichada no edifício - FOTO: Reprodução/Instagram
Leitura:

Ativistas do grupo climático Rise Up 4 Climate Justice protestaram contra o presidente Jair Bolsonaro pichando e jogando fezes no prédio da prefeitura do vilarejo Anguillara Veneta, na Itália, após anúncio de homenagem ao político brasileiro.

A câmara de vereadores da cidade decidiu conceder a Bolsonaro o título de cidadão honorário, em homenagem ao bisavô dele, que nasceu no local.

Em resposta à homenagem, o grupo pichou “Fora Bolsonaro” no edifício e jogou as fezes na entrada. “A figura de Bolsonaro representa perfeitamente o modelo capitalista, predatório, destrutivo e colonialista contra o qual lutamos.”, disse o grupo em uma publicação no Instagram.

Reprodução/Instagram
A frase "Fora Bolsonaro" também foi pichada no edifício da prefeitura - Reprodução/Instagram

Na rede social, o grupo também publicou o vídeo da ação. “Quem destrói o planeta não é bem-vindo, nem aqui nem em outro lugar.”, disse a legenda.

A homenagem ao presidente brasileiro também foi criticada por representantes da Igreja Católica da região. Em comunicado, a Diocese de Pádua disse que homenagem é um “constrangimento”.

O presidente, que tem uma visita marcada à basílica de Santo Antônio, em Pádua, não será recebido oficialmente pelos líderes da igreja, segundo a imprensa italiana.

"Não é segredo que a concessão da cidadania honorária criou um forte constrangimento, ligado ao respeito pelo principal cargo no querido país brasileiro e as tantas e fortes vozes de sofrimento que sempre nos chegam, e não podemos ignorar, pois são gritadas por amigos, irmãos e irmãs", diz o comunicado oficial da Diocese de Pádua.

Veja vídeo: 

Comentários

Mais Lidas