Em Manaus

Homem é demitido após se fantasiar de "goleiro Bruno" e segurar saco de lixo com nome de Eliza Samudio

Mãe de Eliza disse que tomará providências

Marília Pessoa
Marília Pessoa
Publicado em 03/11/2021 às 9:50
Notícia
REPRODUÇÃO
O homem foi demitido do estúdio onde trabalhava como tatuador - FOTO: REPRODUÇÃO
Leitura:

Um homem foi demitido do estúdio onde trabalhava como tatuador após se fantasiar de "goleiro Bruno" em Manaus. Na foto que viralizou nas redes sociais, é possível ver o homem usando uma camisa do Flamengo com um papel nas costas com a palavra "Bruno" e segurando uma sacola de lixo com o nome de Eliza Samudio, que foi morta pelo ex-jogador em 2010. As informações são do jornal Correio.

..

A foto foi postada no perfil de uma casa de shows. Em seguida, o estabelecimento publicou um pedido de desculpas e disse que "não compactua com o ocorrido e jamais defende qualquer tipo de violência contra qualquer ser humano”. A casa de shows também afirmou que o funcionário que fez a postagem não sabia do caso e ele foi afastado da função.

O estúdio de tatuagem demitiu o funcionário e fez uma publicação explicando que o homem era um dos sócios da empresa, mas a união foi desfeita: “O estúdio não compactua com qualquer forma de incitação à violência contra a mulher. Deixando bem claro que o colaborador foi demitido, não fazendo mais parte do quadro de funcionários".

Mãe de Eliza tomará providências

A mãe de Eliza Samudio, Sonia Moura, disse que tomará providências. “Isso não vai ficar assim. Vou tomar providência quanto a isso. Além da minha dor, existe a dor do meu neto, que é uma criança de 11 anos que não tem voz ainda, que não tem como defender a mãe", disse ela.

*Com informações do jornal Correio e JC

Comentários

Mais Lidas