polêmica

Cantor que usava mesmo nome artístico de Zé Vaqueiro se diz traído por empresa de Xand Avião

O artista desistiu de briga por pseudônimo e agora vira 'Zé Estilizado'.

Gabriela Luna
Gabriela Luna
Publicado em 09/11/2021 às 8:18
Notícia
Zé Vaqueiro (Imagem: Reprodução/Instagram)
Zé Vaqueiro (Imagem: Reprodução/Instagram)
Leitura:

Com o um bordão que destaca sua originalidade, o cantor José Jacson de Siqueira dos Santos Júnior, que tem o nome artístico Zé Vaqueiro, é um dos cantores mais ouvidos do Brasil na atualidade. O que muita gente não sabe é que o termo "o original" no bordão que o artista destaca em suas músicas surgiu para diferenciá-lo de outro cantor pernambucano de história parecida.

..

O "outro Zé Vaqueiro", nascido Wesley dos Santos Vieira, chegou a contestar o registro do nome artístico, mas não obteve sucesso e, agora, mudou o nome artístico para Zé Estilizado. Ele desistiu da disputa no Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (INPI).

Segundo Wesley, ele foi traído pela Vybbe, empresa de Xand Avião, que contratou o Zé Vaqueiro que está fazendo sucesso nas plataformas digitais.

A ideia de Wesley era mudar voluntariamente o nome e abandonar a contestação no INPI. Em troca, a empresa o ajudaria a custear todo o material de divulgação com a nova marca. Mas ele diz que acabou ficando sem o nome artístico e sem a ajuda supostamente prometida.

As coincidências não ficam apenas no nome

José Jacson fazia pequenos shows no sertão de Pernambuco com o nome artístico Zé Vaqueiro. Ele despontou ao compor um hit famoso na voz de Jonas Estilizado, "Vem me amar".

Mas Wesley dos Santos também fazia shows no interior de Pernambuco usando o pseudônimo, e ganhou visibilidade ao compor outro hit famoso também na voz de Jonas Estilizado, "Investe em mim".

Atualmente, o Brasil todo reconhece José Jacson como Zé Vaqueiro. No entanto, até o início de 2020, havia apenas um perfil com nome Zé Vaqueiro no Spotify e com músicas de José Jacson e Wesley misturadas.

Os cantores destacam que não sabiam da existência do outro ao escolher o nome artístico, mas já se conheceram e até beberam juntos. Até o início de 2020, eles estavam em níveis semelhantes de sucesso, mas José Jacson tem disparado nas redes e assinou contrato com a empresa Vybbe.

*Com informações do G1

Comentários

Mais Lidas