crimes

Energia furtada em PE poderia abastecer cidades como Caruaru e Olinda por 30 dias

Nos primeiros 9 meses de 2021, Neoenergia recuperou 202 milhões de kWh roubados.

Gabriela Luna
Gabriela Luna
Publicado em 12/11/2021 às 9:23
Notícia
Foto: ABr
Guia avaliou políticas voltadas para estagiários e profissionais com idades entre 18 e 26 anos de 100 companhias - FOTO: Foto: ABr
Leitura:

Nessa quinta-feira (11), a Neoenergia, antiga Celpe, informou que recuperou, de janeiro a setembro de 2021, 202 milhões de KWh de energia elétrica que estava sendo furtada.

..

A quantidade recuperada nos primeiros nove meses deste ano foi 51% maior do que a registrada a nos mesmos meses em 2020. O volume resgatado seria suficiente para abastecer mais de 1,6 milhão de habitantes por um mês, ou mesmo os municípios de Jaboatão dos Guararapes, Petrolina, Caruaru, Olinda e Camaragibe.

Para chegar ao resultado, o grupo realizou diversas ações de prevenção e combate aos desvios de energia, como regularização de clientes clandestinos, fiscalização e substituição de medidores, além do uso de tecnologia para evitar fraudes.

"O montante recorde é resultado de ações de inteligência, associadas a operações estratégicas de campo. A intenção é mantermos o ritmo de atuação nos próximos meses e reforçar que o furto de energia não compensa e é crime! Uma hora essa conta chega para quem comete esse tipo de irregularidade", comenta Gustavo Santos, gerente de Recuperação de Energia da Celpe.

Entre as 140 mil inspeções feitas pela distribuidora, foram substituídos 99 mil medidores obsoletos ou com defeito. Ao todo, foram regularizados mais de 30 mil clientes clandestinos.

Comentários

Mais Lidas