Internacional

Mulher é segunda pessoa a se curar do HIV sem realizar tratamentos

Ela foi diagnosticada com a doença em 2013

Lyllyan Belo
Lyllyan Belo
Publicado em 16/11/2021 às 15:07
Notícia
Pixabay
Pesquisadores analisaram exames de sangue feitos por ela entre 2017 e 2020 - FOTO: Pixabay
Leitura:

Uma mulher de 30 anos se tornou a segunda pessoa a se curar do HIV pelo próprio sistema imunológico, ou seja, sem realizar tratamentos ou usar medicamentos. A argentina, que não foi identificada, foi diagnosticada com a doença em 2013.

O caso da "Paciente Esperanza" foi publicado nesta terça-feira (16) no periódico científico Annals of Internal Medicine. O único caso registrado antes de “Esperanza” foi da norte-americana Loreen Willenberg, de 67 anos.

Desde que foi diagnosticada com o vírus, a paciente apenas realizou tratamento durante seis meses, quando engravidou no ano passado, oito anos após o diagnóstico. Os médicos e pesquisadores analisaram exames de sangue feitos por ela entre 2017 e 2020, além do tecido placentário.

Desde a epidemia global de Aids, em 1981, cerca de 76 milhões de pessoas já foram infectadas com o HIV. Atualmente, 38 milhões vivem com o vírus. Segundo os pesquisadores, essa descoberta pode ajudar no desenvolvimento da cura para a doença.

Comentários

Mais Lidas