pokémon

Dois policiais são demitidos após ignorar assalto de loja para caçar Pokémon

O sistema de comunicação da patrulha gravou as conversas dos dois oficiais no momento da ocorrência

Gabriela Luna
Gabriela Luna
Publicado em 11/01/2022 às 11:38
Notícia
Foto: Reprodução
Enquanto os pedidos eram feitos, os oficiais optaram por procurar duas figuras virtuais do videogame Pokémon Go. - FOTO: Foto: Reprodução
Leitura:

Dois policiais de Los Angeles foram demitidos por dispensaram os chamados de reforços para lidar com um assalto em uma loja de um shopping da Califórnia. Luis Lozano e Eric Mitchell ignoraram o pedido para ir caçar pokémons.

De acordo com documentos judiciais divulgados na semana passada, enquanto os pedidos entram feitos, os homens optaram por procurar duas figuras virtuais do videogame Pokémon Go.

O sistema de comunicação da patrulha gravou as conversas dos dois oficiais, que comentaram sobre o súbito aparecimento de um "Snorlax" - um personagem virtual raro de se capturar no do universo Pokémon.

"Por aproximadamente mais 20 minutos, o sistema de gravação capturou [os policiais] discutindo sobre Pokémon enquanto eles dirigiam para diferentes lugares onde criaturas virtuais apareciam para eles em seus dispositivos móveis", diz o documento.

Os policiais foram acusados de má conduta por não atender ao pedido de suporte, jogar em patrulha e dar declarações falsas sobre o caso.

Os policiais admitiram ter ignorado o pedido de reforços, mas negaram que estivessem jogando Pokémon Go. Eles argumentaram que estavam apenas falando sobre o jogo.

Comentários


Mais Lidas