crime

Mãe de Eliza Samudio diz que neto completa 12 anos sem nunca ter recebido pensão do goleiro Bruno

O jogador e pai do garoto foi condenado pelo homicídio triplamente qualificado da modelo

Gabriela Luna
Gabriela Luna
Publicado em 07/02/2022 às 8:54
Notícia
Eliza Samúdio foi assassinada a mando do goleiro Bruno (Foto: Reprodução/Internet/TV Globo)
Eliza Samúdio foi assassinada a mando do goleiro Bruno (Foto: Reprodução/Internet/TV Globo)
Leitura:

Nesta quinta-feira (10), Bruninho, filho do goleiro Bruno Fernandes e de Eliza Samúdio, completa 12 anos, e, segundo a avó materna, nunca recebeu pensão alimentícia do pai, condenado pelo homicídio triplamente qualificado de sua mãe.

Bruninho tinha quatro meses quando a mãe, com 25 anos na época, desapareceu. O corpo de Eliza nunca foi encontrado.

..

Em entrevista ao g1 MS, Sônia Moura, avó materna de Bruninho, relatou que o neto nunca teve contato com o pai. “Ele [goleiro Bruno] nunca demonstrou nenhum interesse em se aproximar, em saber se [Bruninho] está vivo ou morto, em que situação em que está”.

Ela diz ainda que o processo judicial sobre a pensão alimentícia segue em aberto. “Me sinto entristecida pelo que ele fez com a Eliza... E está refazendo a vida dele. Mas que Deus o abençoe, que ele refaça a vida dele mesmo, porque ele vai ter que pagar a pensão do filho”, diz a avó de Bruninho.

Entrando na pré-adolescência, Bruninho joga há mais de três anos futsal, na posição de goleiro. Graças ao esporte, Bruninho estuda com bolsa de 100% em um colégio particular da capital de Mato Grosso do Sul.

Eliza Samudio desapareceu em 2010 e seu corpo nunca foi achado. Ela tinha 25 anos e era mãe do filho recém-nascido do goleiro Bruno. Na época, o jogador era titular do Flamengo e não reconhecia a paternidade. Bruno foi condenado pelo homicídio triplamente qualificado de Eliza Samudio e pelo sequestro e cárcere privado do filho que ele teve com a vítima.

Comentários


Mais Lidas