benefício

AUXÍLIO BRASIL VAI ACABAR? 8 milhões de pessoas podem perder benefício; entenda

Famílias inscritas no Cadastro Único devem atualizar suas informações

Gabriela Luna
Gabriela Luna
Publicado em 14/05/2022 às 11:16
Notícia
Reprodução
Aplicativo do Auxílio Brasil, novo Bolsa Família. - FOTO: Reprodução
Leitura:

Beneficiários do Auxílio Brasil precisam ficar atentos! Com a retomada da averiguação e revisão cadastral de 2022, quem não realizar os processos de atualização de informações do Cadastro Único poderá perder o benefício do Auxílio Brasil.

Os procedimentos valem também para a Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE) e o Benefício de Prestação Continuada (BPC).

 ..

O QUE FAZER PARA NÃO PERDER O AUXÍLIO BRASIL 2022?

Os beneficiários que estiverem com dados inconsistentes e passarem pela Averiguação Cadastral têm até julho para atualizar o cadastro, que pode ser cancelado caso o procedimento não seja feito.

Já as famílias da Revisão Cadastral, que possuem informações cadastrais desatualizadas, têm até dezembro para regularizar os registros.

A cada 2 anos, famílias inscritas no Cadastro Único (CAD ÚNICO) devem atualizar suas informações de cadastro, sempre que haja alguma alteração, como na composição familiar, endereço, ou situação de trabalho e renda dos membros.

COMO FAZER ATUALIZAR O CADASTRO PARA NÃO PERDER O AUXÍLIO BRASIL 2022?

Para checar se os dados estão atualizados, o beneficiário deve utilizar o novo aplicativo do CAD ÚNICO. Além disso, as famílias beneficiárias do Auxílio Brasil receberão mensagens no extrato de pagamento do benefício e pelo aplicativo do programa.

Caso seja necessário alterar algum dado, é necessário comparecer a um posto de cadastramento para uma nova entrevista de atualização cadastral.

Comentários

Mais Lidas