PRISÃO

PAULO CUPERTINO É PRESO: Suspeito de matar jovem ator Rafael Miguel ocupava o 1º lugar na lista criminosos mais perigosos

O homem é suspeito de ser responsável pelo assassinato do jovem ator Rafael Miguel, ator que participou da novela 'Chiquititas'

Anderson Alves
Anderson Alves
Publicado em 16/05/2022 às 18:13 | Atualizado em 16/05/2022 às 18:13
REPRODUÇÃO
Suspeito do assassinato do jovem ator Rafael Miguel, Paulo Cupertino é preso - FOTO: REPRODUÇÃO
Leitura:

O foragido da polícia, considerado um dos criminosos mais perigosos, Paulo Cupertino foi preso nesta segunda-feira (16), pela polícia de São Paulo.

O homem é suspeito de ter assassinado o jovem ator Rafael Miguel, de 22 anos, ator de da novela 'Chiquititas', que mantinha um relacionamento com sua filha.

Rafael Miguel foi assassinado no dia 9 de julho de 2019, em frente a casa de Isabela, filha do suspeito. O crime aconteceu no bairro da Pedreira, Zona Sul da capital Paulista.

Além do jovem, o pai e a mãe de Rafael Miguel também foram mortos no ataque.

ATOR DE CHIQUITITAS É MORTO NA CASA DA NAMORADA

Segundo investigação, o crime aconteceu pelo fato de que Cupertino não aceitar o namoro entre o jovem ator e sua filha Isabela Tibcherani, de 18 anos na época do crime. Rafael levou 13 tiros.

Os pais do ator, João Alcisio Miguel, de 52, e a mãe Miriam Selma Miguel, 50, também morreram na investida. O momento foi gravado por câmeras de segurança do local.

Três anos foragido da polícia, Cupertino é acusado de triplo homicídio duplamente qualificado, por motivo fútil e recurso que impossibilitou a defesa das vítimas.

CRIMINOSO MAIS PERIGOSO DE SÃO PAULO

Após ficar foragido, o pai de Isabela Tibcherani foi incluído na Difusão Vermelha da Interpol. O homem ocupava, até então, o primeiro lugar da lista dos criminosos mais perigosos de São Paulo.

 ..

Divulgação/Polícia Civil SP
Paulo Cupertino era o primeiro nome da lista dos criminosos mais procurados do estado de São Paulo. - Divulgação/Polícia Civil SP

Divulgação/Polícia Civil SP
Paulo Cupertino era o primeiro nome da lista dos criminosos mais procurados do estado de São Paulo. - FOTO:Divulgação/Polícia Civil SP

Mais Lidas