temporal

CHUVAS EM PERNAMBUCO: número de mortos sobe para 132; Óbitos são confirmados no Agreste e Mata Sul

A vítima mais recente foi um agricultor que morava em Iati, no Agreste

Gabriela Luna
Gabriela Luna
Publicado em 06/07/2022 às 9:54 | Atualizado em 06/07/2022 às 9:57
Notícia
GABRIEL FERREIRA/JC IMAGEM
MAIS TRANSTORNOS Em Palmares, também na Mata Sul, Rio Una transbordou e água invadiu residências - FOTO: GABRIEL FERREIRA/JC IMAGEM
Leitura:

O número de vítimas das chuvas em Pernambuco desde o último dia 25 de maio subiu para 132. A última morte confirmada em consequência das enchentes foi a do agricultor Elísio Corrêia Costa, de 64 anos, no domingo passado (03). Ele morava em Iati, no Agreste do Estado.

..

Segundo testemunhas, o homem foi desobstruir os bueiros de uma ponte no Sítio Trapiá, na zona rural, e acabou arrastado pela correnteza. O corpo foi encontrado cerca de dois quilômetros do local onde ele estava.

Portal Agreste Violento/Reprodução
IATI Elísio Correia caiu em buraco e foi carregado pela água - Portal Agreste Violento/Reprodução

VÍTIMAS

Na manhã dessa terça-feira (05), o corpo do funcionário público Alex Fernando Silva, 20 anos, em Jaqueira, na Zona da Mata Sul, foi encontrado. Ele estava desaparecido desde sábado (02) após ser arrastado pela correnteza. A suspeita é que antes tenha levado um choque elétrico.

..

Reprodução
Alex Fernando da Silva, de 20 anos, era funcionário da prefeitura municipal, do setor de serviços gerais. - Reprodução

No município de Catende, Mata Sul, uma terceira vítima ainda está sendo procurada. José Roberto da Silva, 34 anos, teria pulado de uma ponte no sábado (02) à tarde e segue desaparecido. O Corpo de Bombeiros está realizando buscas.

Conforme a Secretaria de Defesa Social, dos 132 óbitos confirmados, 64 foram em ocorrências em Jaboatão dos Guararapes; 50 faleceram no Recife; 7 mortes foram registradas em Camaragibe, 6 em Olinda e uma em Paulista, todas cidades da Região Metropolitana.

No interior houve mortes em decorrência das chuvas em Limoeiro (1), Bom Conselho (1), Jaqueira (1) e Iati (1).

Segundo a Secretaria Executiva de Defesa Civil do Estado, mais de 10 mil pessoas estão desalojadas ou desabrigadas em Pernambuco por causa das fortes chuvas que caíram na Zona da Mata e Agreste do Estado no último fim de semana.

 

Comentários

Mais Lidas