legenda

Paulinho da Força assume o Solidariedade após prisão de Eurípedes Júnior

Deputado federal volta ao cargo que já ocupou por quase 10 anos. Eurípedes Junior foi afastado da presidência após ser preso em operação da PF.

Imagem do autor
Cadastrado por

Rodrigo Fernandes

Publicado em 18/06/2024 às 8:22
Notícia

O partido Solidariedade anunciou a eleição de Paulinho de Força como novo presidente nacional da sigla. O anúncio foi feito na noite da última segunda-feira (18), dias após Eurípedes Júnior, que comandava a legenda, ser preso em operação da Polícia Federal.

"Nesta segunda-feira (17), a Executiva Nacional do Solidariedade se reuniu e, por unanimidade, elegeu Paulo Pereira da Silva como o novo presidente do partido. A escolha de Paulinho da Força reflete a confiança do partido em sua capacidade de liderar a legenda de acordo com os pilares ideológicos do Solidariedade", diz a nota enviada pela assessoria do partido.

Paulinho já foi presidente do partido entre 2013 e 2022 e atualmente ocupava a vice-presidência. Com mandato ativo de deputado federal, ele está licenciado do cargo desde março para tratar da saúde.

Prisão de Eurípedes Júnior

O presidente do Solidariedade, Eurípedes Júnior, se entregou à Polícia Federal na manhã do último último sábado (15), depois de passar três dias considerado foragido pela Polícia Federal.

Ele é o principal alvo de uma operação que investiga desvios dos fundos partidários durante as eleições de 2022, quando ainda integrava o PROS - partido que foi incorporado ao Solidariedade.

Eurípedes se apresentou à sede da Superintendência da PF no Distrito Federal e, no domingo (16), passou por audiência de custódia.

Tags

Autor