menu

Santa Cruz do Capibaribe elege Fábio Aragão como prefeito

Fábio Aragão, que é filho de Fernando Aragão, falecido no último dia 20 de agosto, em decorrência da covid-19, encabeçou a coligação formada por seis legendas

Fábio Aragão, que é filho de Fernando Aragão, falecido no último dia 20 de agosto, em decorrência da covid-19, encabeçou a coligação formada por seis legendas
Fábio Aragão, que é filho de Fernando Aragão, falecido no último dia 20 de agosto, em decorrência da covid-19, encabeçou a coligação formada por seis legendas (Reprodução/NE10 Interior)

Pelos próximos quatro anos, Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste pernambucano, terá como prefeito o progressista Fábio Aragão. De acordo com os dados do Tribunal Regional Eleitoral, ele obteve 34,65% dos votos válidos derrotando nas urnas Allan Carneiro (PSD), que somou 33,99% dos votos válidos, e Dida de Nan, do PSDB, com 31,36% dos votos.

Fábio Aragão, que é filho de Fernando Aragão, falecido no último dia 20 de agosto, em decorrência da covid-19, encabeçou a coligação formada pelas legendas: REPUBLICANOS, PP, PT, PSB, PC Do B e PROS. Fábio aragão como prefeito terá como vice Helinho.  Ao todo, 57.422 pessoas estiveram aptas a votar na Terra da Sulanca.

Currículo

Fábio Queiroz Aragão, nasceu no dia 2 de março de 1979, no Rio de Janeiro, e veio para Santa Cruz do Capibaribe, aos 3 anos de idade. Se formou em Administração,pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB).

Desde cedo teve contato com a política através de seu pai, Fernando Aragão (falecido este ano vítima de covid-19), por ter sido vereador por diversos mandados e candidato a prefeito.

Filiado ao PP, Fábio é empresário e possui uma empresa de confecção na qual atua há mais de 10 anos. É membro da Igreja Adventista do Sétimo Dia em Santa Cruz do Capibaribe. Casado com Jessica Aragão e pai de dois meninos, Davi e Daniel.

Assumiu a pré-candidatura a prefeito de Santa Cruz do Capibaribe atendendo a um dos últimos pedidos de seu pai feito ainda no leito hospitalar. Compõe hoje com Helinho Aragão, do PSB.