Crime

Homem invade mansão de Gisele Bündchen nos Estados Unidos e é preso

Ele foi encontrado deitado em um sofá

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 08/12/2020 às 9:32
NOTÍCIA
Reprodução/Instagram
FOTO: Reprodução/Instagram
Leitura:

Um homem foi preso nessa segunda-feira (7) após invadir uma mansão da modelo Gisele Bündchen e do marido, o jogador de futebol americano Tom Brady.

O imóvel fica em Brookline, subúrbio de Boston, no estado de Massachusetts. O departamento de polícia esteve no local após o alarme da propriedade disparar.

O suspeito, identificado como Zanini Cineus, 34 anos, foi encontrado deitado em um sofá no porão. A casa estava vazia. Ele irá responder por arrombamento com intenção de cometer um crime, tentativa de furto e invasão de propriedade.

Cineus já tinha mandados de prisão em aberto, segundo a polícia de Brookline. No ano passado, ele chegou a ser acusado de roubar uma camisa autografada de Brady do New England Patriots Hall of Fame.

Avaliada em mais de R$ 200 milhões

A casa tinha sido colocada à venda por Gisele e Tom em 2019, por US$ 40 milhões (mais de R$ 200 milhões), mas por causa da pandemia, a mansão foi retirada do mercado.

Atualmente, Gisele Bündchen e Tom Brady moram na Flórida.

Mais Lidas