Famosos

Zé Neto entra em live de Gusttavo Lima para defender cantor sobre polêmica de cachês: "Joga para mim, irmão"

Cantor sertanejo está sendo investigado em relação ao cachê de apresentações em três cidades

Marilia Pessoa
Marilia Pessoa
Publicado em 31/05/2022 às 8:30 | Atualizado em 31/05/2022 às 11:36
Notícia
Divulgação
Shows de Gusttavo Lima estão sendo investigados por alto cachê - FOTO: Divulgação
Leitura:

O cantor Gusttavo Lima fez uma live na noite dessa segunda-feira (30) no Instagram para falar sobre as polêmicas envolvendo os cachês de shows de artistas sertanejos.

O artista comentou as investigações a respeito dos shows dele que estão marcados em três cidades. Durante um momento, o cantor sertanejo Zé Neto (da dupla Zé Neto e Cristiano) entrou na transmissão e comentou que o colega não precisava se explicar.

..

"Cara, quem tem que dar satisfação sou eu. Irmão, tô atravessando uma fase ruim. Sou seu irmão, não precisa se explicar. Joga para mim, irmão. Não tem nada a ver com você", escreveu.

LEIA TAMBÉM: INVESTIGAÇÃO GUSTTAVO LIMA: veja as cidades onde sertanejo está sendo investigado por shows milionários

Depois de um tempo, o cantor comentou mais uma vez na live de Gusttavo Lima: "Não precisa explicar nada". Veja abaixo:

.

Reprodução / Instagram
Comentário de Zé Neto na live de Gusttavo Lima - Reprodução / Instagram

Como começou a polêmica

A polêmica começou no dia 12 de maio, quando Zé Neto criticou a cantora Anitta durante um show, citando a tatuagem íntima da artista.

“Nós somos artistas que não dependemos de Lei Rouanet, o nosso cachê quem paga é povo, a gente não precisa fazer tatuagem no * pra mostrar se a gente tá bem ou não, a gente vem simplesmente aqui e canta”, disse ele.

A fala repercutiu muito nas redes sociais. Alguns internautas começaram a buscar informações sobre o financiamento das apresentações de Zé Neto e Cristiano e encontraram supostas irregularidades.

O debate chegou até uma investigação sobre os shows de Gusttavo Lima, outro artista do sertanejo. O Ministério Público do Estado de Roraima abriu uma investigação sobre a contratação do artista em São Luiz (RR), com um cachê de R$ 800 mil.

Durante live, Gusttavo disse que é normal o procedimento de fazer shows com contratação de prefeituras.

"Todos os artistas fazem show de prefeitura. É sobre valorizar a nossa arte, é a nossa única coisa que temos para vender", afirmou.

Confira a live de Gusttavo Lima sobre a polêmica:

Comentários

Mais Lidas