Luto

Família morta em deslizamento na RMR é velada em Camocim de São Félix

Pai e três filhos morreram após barreira deslizar em Caetés I, em Abreu e Lima

Luiz Carlos Fernandes
Luiz Carlos Fernandes
Publicado em 26/07/2019 às 11:24
NOTÍCIA
Jobson Gonçalves/TV Jornal Interior
FOTO: Jobson Gonçalves/TV Jornal Interior
Leitura:

A população de pouco mais de 19 mil habitantes de Camocim de São Félix se despediu na manhã desta sexta-feira (26) da família que há cerca de dez anos deixou a pequena cidade do Agreste de Pernambuco em busca de uma vida melhor em Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife. Pai e três filhos morreram soterrados em um deslizamento de barreira durante as fortes chuvas da última quarta-feira (24), no bairro Caetés I.

Os corpos dos irmãos Luiz Henrique da Silva, de 15 anos, Mariana da Silva, 18, e Maria Eduarda da Silva, 21 (grávida de 8 meses), além do pai deles, Silvano da Silva de, 49, foram velados na Igreja do Cruzeiro e sepultados nesta manhã.

Muito comovidos, alguns familiares preferiram ficar na casa da família, ao lado da igreja. Outros desmaiaram durante o velório. Uma delas foi a tia de Silvano, que viajou às pressas de São Paulo para a despedida em Camocim.

O filho mais velho da família, que não estava na residência destruída pelo deslizamento, chegou amparado para ver os irmãos e o pai nos caixões. A mãe dele, Ariana Silva, 39 anos foi a única sobrevivente da tragédia. Ela segue em estado grave no Hospital Miguel Arraes, em Paulista, também na RMR.

As colegas da escola onde Maria Eduarda estudou em Abreu e Lima estiveram no velório e afirmaram que ela estava muito feliz com a gravidez. O sepultamento das vítimas aconteceu no fim da manhã no cemitério da cidade. 

Luto oficial

O município de Camocim decretou luto oficial pelas perdas. 

Mais Lidas