menu

Condenado por mandar matar promotor de Itaíba chega a Pernambuco

José Maria Rosendo, de 58 anos, foi recapturado na última segunda-feira após fugir da Penitenciária de Itamaracá

José Maria estava foragido há cinco meses
José Maria estava foragido há cinco meses (Ricardo B. Labastier/ JC Imagem)

O fazendeiro condenado por mandar matar o promotor de Itaíba, no Agreste de Pernambuco, Thiago Faria, chegou por volta das 1h20 desta quarta-feira (31) no Aeroporto Internacional do Recife, sob um forte esquema de segurança. José Maria Rosendo, de 58 anos, foi preso na última segunda-feira (29).

De acordo com a Polícia Civil, ele estava escondido em uma casa na cidade de Corumbá, no Mato Grosso do Sul, na fronteira com a Bolívia. Por medida de segurança, o preso saiu pelo terminal de cargas e seguiu para o Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri), no bairro Afogados, na Zona Oeste da capital pernambucana.

Condenado a 50 anos e quatro meses de prisão em regime fechado, José Maria fugiu da Penitenciária Barreto Campelo, em Itamaracá, em fevereiro deste ano. Na fuga, outros seis detentos fugiram e um policial foi morto. Ele teria encomendado a morte do promotor por causa de disputa por terras na região. Ainda segundo a polícia, "Zé Maria de Mané Pedro", como é conhecido, passou por cinco cidades da Bolívia antes de ir para o Centro-Oeste do País.

De acordo com o secretário de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco, Pedro Eurico, José Maria deve permanecer em um presídio até que seja feita a transferência para uma unidade prisional federal. "O júri foi na Justiça Federal. Posteriormente teremos que investigar o homicídio do sargento [morto durante a fuga], a fuga, e mais importante ainda: temos que investigar quem deu a fuga, quem patrocinou", ressaltou.

Condenado por mandar matar promotor de Itaíba chega a Pernambuco

  • 31/07/2019 11:30
O fazendeiro condenado por mandar matar o promotor de Itaíba, no Agreste de Pernambuco, Thiago Faria, chegou por volta das 1h20 desta quarta-feira (31) no Aeroporto Internacional do Recife, sob um forte esquema de segurança. José Maria Rosendo, de 58 anos, foi preso na última segunda-feira (29). 1 minuto e 44 segundos

Relembre o caso

O promotor de Justiça de Itaíba Thiago Faria foi morto em 14 de outubro de 2013, a tiros de espingarda calibre 12, enquanto seguia de carro para Itaíba, cidade no Agreste de Pernambuco, pela rodovia PE-300.

Thiago Faria estava acompanhado da então noiva, Mysheva Freire Ferrão, e de um tio dela, quando outro veículo se aproximou e efetuou os disparos. Os passageiros conseguiram escapar. Já o promotor não resistiu e faleceu.

Acusados condenados

Além de José Maria Rosendo, foram condenados no caso do promotor de Itaíba José Maria Domingos Cavalcante (19 anos de prisão) e José Marisvaldo Vitor da Silva (40 anos e oito meses de prisão). O quarto réu, Adeildo dos Santos, foi inocentado pelo júri e absolvido das acusações.