menu

Casos de crianças desaparecidas no Agreste assustam moradores

De acordo com balanço do Disque Denúncia, foram 19 registros de desaparecidos na região desde o início do ano

Mãe de Joclécia Silva não consegue comer nem dormir direito desde que a filha desapareceu
Mãe de Joclécia Silva não consegue comer nem dormir direito desde que a filha desapareceu (Reprodução/TV Jornal Interior)

Dois casos de crianças desaparecidas no Agreste de Pernambuco têm assustado os moradores da região. O mais chocante foi o do menino Lucas Vinicius, de oito anos, que depois de passar cinco dias desaparecido, foi encontrado morto em Garanhuns.

Outro caso, da adolescente Joclécia da Silva, 12 anos, deixa os familiares aflitos. Ela não é vista pela família desde o dia 14 de junho quando saiu de casa em Caruaru. A família aguarda a resposta sobre a identificação de um corpo carbonizado achado no bairro Severino Afonso, que pode ou não ser dela.

"Com o passar do tempo, as linhas de investigação ficam cada vez mais tendentes a um possível homicídio, ainda mais quando foi encontrado um corpo na estatura compatível, com vestes que poderiam ser compatíveis", revela o delegado Fernando Elias.

O avô da jovem, João Luiz, conta que há momentos em que todos da família choram angustiados. "Pode ser e pode não ser, aí entristece. É uma dor", conta. A mãe, Maria Cecília, não consegue comer nem dormir desde que ela desaparece: "Acabou com a minha vida, isso foi uma dor no meu coração. Tirou minha filha, acabou com tudo".

De acordo com balanço do Disque Denúncia, foram 19 registros de desaparecidos na região desde o início do ano. "A gente teve em 2019 um ano mais desenvolvido nesse sentido de desaparecimento, porque foram três pessoas que tiveram um cenário mais importantemente denunciado e trazido à tona através de campanhas o desaparecimento delas", explica a coordenadora do serviço, Janielda Rodrigues.

Casos de crianças desaparecidas no Agreste assustam moradores

Por Dentro
  • 12/08/2019 16:27
Dois casos de crianças desaparecidas no Agreste de Pernambuco têm assustado os moradores da região. O mais chocante foi o do menino Lucas Vinicius, de oito anos, que depois de passar cinco dias desaparecido, foi encontrado morto em Garanhuns. 3 minutos e 21 segundos