menu

Governador Paulo Câmara autoriza obra para instalação de distrito industrial de Limoeiro

Governador entregou pacote de ação que possibilita investimentos privados e geração de empregos

Distrito Industrial de Limoeiro começará a sair do papel
Distrito Industrial de Limoeiro começará a sair do papel (Edvaldo Carvalho/Blog do Agreste)

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, entregou nessa terça-feira (26) um pacote de ação que possibilitará investimentos privados e geração de empregos em Limoeiro, no Agreste pernambucano. O objetivo da visita era viabilizar o parque industrial da cidade, o qual será instalado às margens da PE-50.

Na ocasião, Paulo Câmara assinou uma ordem de serviço para a construção do acesso viário ao empreendimento, lançou o processo licitatório para a venda de três dos sete lotes da área do parque industrial e assinou a doação de um terreno de cinco hectares à Bandeira Têxtil.

O governador destacou o momento econômico atual não está sendo fácil no país, mas que o Estado está buscando melhorias apesar da situação. "Não é um momento fácil para o Brasil, mas vamos continuar trabalhando com muito pé no chão, equilibrando as contas e buscando melhorar os serviços para população. É através de ações concretas junto com a colaboração das prefeituras, que nós estamos com condições de fazer uma parceria dentro do Fundo de Apoio aos Municípios para investir na infraestrutura da cidade”, explicou.

Potenciais da região

Para o secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach, observar os potenciais da região ajudam no desenvolvimento do estado e na geração e empregos: "Nós temos um planejamento para melhorias na região. Com transparência e diálogo nós conseguimos articular e possibilitar as obras. Devem ser criados cerca de 500 empregos para a região de Limoeiro. No estado inteiro estamos tentando conversar com as prefeituras para possibilitar isso em outros lugares também, para valorizar as potencialidades de cada região".

Em entrevista à Rádio Jornal Limoeiro, o prefeito da cidade, João Luís, afirmou que o empreendimento era um sonho antigo e ele tem boas expectativas. "Foi uma luta para chegarmos onde chegamos hoje. Nós visitamos cidades e empresários para trazer para Limoeiro. Muitas pessoas não quiseram acreditar, mas nós acreditamos. Temos essas três empresas já aptas e mais cinco cadastradas. Quando essas empresas estiverem instaladas no distrito, tenho certeza que outras virão".