Mudanças

Implantação da placa Mercosul começa nesta sexta-feira (31)

Novo modelo de emplacamento é mais seguro contra fraudes e possibilita 450 milhões de combinações

Antonio Virginio Neto
Antonio Virginio Neto
Publicado em 29/01/2020 às 12:50
NOTÍCIA
Reprodução / Internet
FOTO: Reprodução / Internet
Leitura:

A partir da próxima sexta-feira (31) os novos veículos emplacados no Brasil, já passarão a contar com a placa padrão Mercosul. A implantação acontece de forma obrigatória em todo o Brasil, com prazos definidos pelo Conselho Nacional de Trânsito (Cotran).

Segundo o Contran, a placa Mercosul tem itens de segurança, como QR Code, que possibilita a rastreabilidade, o que dificulta a clonagem. O modelo novo possibilita mais de 450 milhões de combinações.

A placa é azul e branca, tem quatro letras e três números. O código que vem na placa contém todos os dados de confecção, como data, fornecedor, ano e modelo de fabricação. Essa nova placa já está em uso em cerca de dez estados do país.

Com a implantação, empresas credenciadas começam a comercializar as placas já na segunda-feira (3).

Regras de aplicação

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), anunciou nesta quarta-feira (22) que não será necessário fazer a troca de placas dos veículos já emplacados para as placas do padrão do Mercosul. A informação foi divulgada através do Twitter.

Segundo ele, as placas atuais irão valer até o fim da vida útil do veículo. A placa nova valerá apenas para carros novos ou em caso de furto ou dano.

Os veículos que forem emplacados pela primeira vez deverão obrigatoriamente ter as placas novas a partir de 31 de janeiro. De acordo com Bolsonaro, o Governo fez alterações na nova placa, como a retirada da exigência de chips e dispositivos refletivos.

Mais Lidas