Coletiva de imprensa

Comitê de crise da Prefeitura de Caruaru monitora situação do coronavírus

Não há casos suspeitos nem confirmados no município

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 16/03/2020 às 14:32
NOTÍCIA
Divulgação/Prefeitura de Caruaru
FOTO: Divulgação/Prefeitura de Caruaru
Leitura:

Os impactos do novo coronavírus em diversas áreas fizeram com que a Prefeitura de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, instalasse um comitê de crise para debater a situação. Nesta segunda-feira (16), a prefeita Raquel Lyra (PSDB) comandou uma coletiva de imprensa para divulgar algumas medidas que estão sendo tomadas. Não há casos suspeitos nem confirmados no município.

Durante a explicação, foi demonstrado pelo secretário de Saúde, Francisco Santos, que o vírus tem a proliferação rápida, mas pode ser controlado com prevenção. "A gente tomou algumas medidas para proteger a sociedade, para que a gente não dissemine qualquer tipo de vírus. A tendência é a gente ter a diminuição da contaminação por outros vírus, inclusive. Todas as nossas medidas são baseadas em evidências científicas".

Decreto

No domingo (15), a prefeitura publicou um decreto estabelecendo algumas recomendações, como a suspensão de eventos com mais de 100 pessoas, viagens de servidores a serviço da prefeitura, prova de vida dos servidores municipais, aulas nas escolas e universidades a partir desta terça (17), entre outros. Até agora, a Feira da Sulanca será realizada normalmente, mas o cenário continuará sendo monitorado. Todas as novas informações serão repassadas para a população.

"Não existe nenhum caso confirmado em Caruaru, mas a gente está monitorando dia a dia e trabalhando para que, havendo caso, o vírus não se propague na rapidez que a gente tem visto em algumas cidades do mundo", disse a prefeita Raquel Lyra.

Mais Lidas