menu

Capes oferece novas bolsas de estudo para pesquisas sobre coronavírus

Autarquia concederá mais 2,6 mil bolsas

Produção de kits começou esta semana, após primeiros casos da doença
Pesquisadores de todo o mundo desenvolvem estudos sobre o coronavírus (Reuters )

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) informou nesta terça-feira (24) que vai conceder mais 2,6 mil bolsas para cursos que lidam, direta ou indiretamente, com pesquisas que envolvam o estudo do coronavírus. Além disso, a autarquia do Ministério da Educação lançará um novo programa de apoio à pesquisa, voltado à prevenção e combate às epidemias.

De imediato, além do quantitativo já previsto pelo modelo de concessão, haverá o aporte de mais 2.180 benefícios. Adicionalmente, para os cursos de excelência, com conceitos 6 e 7 e que atuam nas áreas de infectologia, epidemiologia, pneumologia e imunologia, serão mais 420 bolsas e recursos de custeio, oferecidos por meio de edital específico.

De acordo com a Capes, já são distribuídas hoje 84.786 bolsas, para mestrado e doutorado em diversos cursos, para mais de 350 instituições de ensino superior públicas e privadas.