Alepe

Projeto de lei prevê multa para quem disseminar fake news em Pernambuco

Deputado estadual Tony Gel disse que notícias falsas atrapalham combate ao coronavírus

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 02/04/2020 às 16:22
NOTÍCIA
Divulgação/Alepe
FOTO: Divulgação/Alepe
Leitura:

Um projeto de lei foi apresentado na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) para aplicar multas a quem criar notícias falsas (fake news) durante a pandemia do novo coronavírus (covid-19).

A proposta é do deputado estadual Tony Gel (MDB). Segundo ele, as fake news atrapalham o trabalho dos profissionais de saúde e prejudicam a imagem das vítimas dos boatos. A punição valeria ainda para as pessoas que compartilhassem as fake news.

"Qualquer notícia falsa causa problemas, dificulta o trabalho contra a pandemia. Cada um tem que fazer sua parte e só divulgar aquilo que for checado", defendeu. O deputado reforçou ainda a importância de veículos de comunicação neste processo.

Rede de saúde

O deputado declarou ainda que sugeriu ao governador Paulo Câmara (PSB) que transforme o Hospital da Mulher, em Caruaru, que está em obras, em um hospital de campanha, caso seja necessário no combate à Covid-19.

Tony Gel revelou ainda que destinou mais de R$ 1 milhão na área da saúde para municípios utilizarem durante o período da pandemia, para a compra de Equipamentos de Proteção Individual (EPI), entre outras necessidades. Entre os municípios contemplados estão Toritama, Riacho das Almas, Vertente do Lério, Frei Miguelinho, entre outros. Outros deputados também remanejaram recursos para outros municípios.

Ouça a entrevista completa:

Mais Lidas