Geral

CPF pode ser obtido em agências dos Correios

Número do documento sai na hora

Agência Brasil Agência Brasil
Agência Brasil
Agência Brasil
Publicado em 09/04/2020 às 11:19
NOTÍCIA
Elza Fiúza/Arquivo Agência Brasil
FOTO: Elza Fiúza/Arquivo Agência Brasil
Leitura:

Os brasileiros que ainda não estão inscritos no Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) podem obter o documento em uma agência dos Correios. No local, também podem ser realizadas a regularização cadastral e a alteração de dados como data de nascimento, número do título eleitoral, endereço, nome da mãe e gênero. Para pedir a inscrição no cadastro, é preciso levar documento de identificação a uma agência dos Correios e pagar uma taxa de R$ 7. O número do documento sai na hora.

O número do CPF é obrigatório para os trabalhadores sem carteira assinada que quiserem se inscrever para receber o auxílio emergencial do governo federal, no valor de R$ 600. É com um CPF ativo que a pessoa é identificada na Receita Federal. Não é obrigatório portar o cartão. Apenas com o número do cadastro, é possível fazer operações financeiras, como abertura de contas em bancos.

Segundo os Correios, em 2019, foram feitas 4,5 milhões de inscrições no cadastro.

Para atender às recomendações do Ministério da Saúde relacionadas à pandemia de coronavírus, os Correios adotaram medidas preventivas e seguem rotinas de atendimento específicas de segurança dos empregados e clientes. “Entre outras medidas, há o reforço nos procedimentos de limpeza e cuidados extras de higiene, além de métodos para evitar o contato físico, como a desativação de totens de senhas e o não compartilhamento de objetos”, informou.

Saiba como regularizar CPF para se cadastrar no auxílio emergencial

Mais Lidas