menu

Rádio Jornal Garanhuns, pioneira no interior, completa 69 anos

Grandes nomes da comunicação social passaram pela emissora

Rádio Jornal Garanhuns foi a primeira do interior
Rádio Jornal Garanhuns foi a primeira do interior (Divulgação)

Há 69 anos, em 26 de maio de 1951, era fundada a primeira Rádio Jornal no interior de Pernambuco, em Garanhuns, no Agreste. Pela emissora passaram grandes nomes da comunicação, como Aluízio Alves, Roberto Sampaio, Ariston Brito, Antônio Edson, entre outros. Este ano, não haverá a tradicional comemoração nas ruas devido à pandemia do novo coronavírus, mas a data será lembrada no coração dos ouvintes.

Apresentador do Ronda Policial e do Super Manhã, o locutor Eduardo Peixoto é uma das vozes que leva informação e prestação de serviços para a população do Agreste Meridional. Trabalhando na emissora há 18 anos, Peixoto reforça a importância da rádio na região lembrando da morte de Aluízio Alves, em 2007. "O comércio parou, o corpo dele foi em cortejo no carro do Corpo de Bombeiros, foi muita tristeza na cidade", contou.

Para ele, o trabalho em equipe exercido pela rádio faz com que a emissora continue crescendo na região: "A Rádio Jornal é uma prestadora de serviços, assim como todas as emissoras do sistema. É importante que as cobranças da população sejam encaminhadas para os governos municipal, estadual e até federal para que os problemas sejam resolvidos. De forma imparcial, a gente cobra diariamente".

O diretor executivo do Sistema Jornal do Commercio Interior (SJCC Interior), Carlos Humberto Rocha Júnior, acredita que a participação dos ouvintes nas ações da emissora reforçam a relevância da Rádio Jornal em pautar a cidade e seus acontecimentos. "A Rádio Jornal Garanhuns é a emissora que está no coração das pessoas da cidade. A prova disso foi o total engajamento que tivemos na ação solidária que promovemos com o projeto Atitude Cidadã, no qual os ouvintes, através do carinho e do poder mobilizador que temos, fizeram doações e junto conosco ajudaram a reunir as pessoas nessa grande causa", destacou.

Ouvinte fiel, a autônoma Shirley Nascimento liga o rádio logo cedo, às 6h, para acompanhar a programação. Ela sempre participa das ações da Rádio Jornal e quando precisou, também foi ajudada através da emissora. "É uma rádio que sempre nos mantém informados, está sempre buscando, ajudando a população de Garanhuns. Eu gosto de ouvir, de participar, acompanhar no Facebook. Só tenho a agradecer aos profissionais, que estão sempre a postos para nos ajudar. A Rádio Jornal não é dez, é mil!", comemorou.