Política

Grupo hacker Anonymous vaza dados que seriam de Jair Bolsonaro e aliados

Divulgados dados do presidente, Eduardo Bolsonaro, Flávio Bolsonaro, Carlos Bolsonaro, Abraham Weintraub, Damares Alves, Douglas Garcia e Luciano Hang

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 02/06/2020 às 11:09
NOTÍCIA
Reprodução
FOTO: Reprodução
Leitura:

O grupo Anonymous Brasil, versão brasileira do grupo internacional de hackers, vazou dados que seriam da família do presidente Jair Bolsonaro, seus familiares e aliados políticos nessa segunda-feira (1º).

Foram divulgados dados de Jair Bolsonaro, do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), do vereador Carlos Bolsonaro (PSC-SP), do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos), do ministro da Educação, Abraham Weintraub, da ministra Damares Alves, do deputado estadual Douglas Garcia (PSC-SP), e do cofundador da Havan, Luciano Hang.

 

Dados vazados

Os dados incluem números de celulares, RGs, CPFs, e-mails, bens declarados, dívidas e participação em empresas. Após as publicações, o perfil do Twitter da Anonymous Brasil foi suspenso. Depois da suspensão do perfil AnonymouBrasil, a página YourAnonNewsBR publicou:

 

No documento de Jair Bolsonaro, por exemplo, está o imóvel na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, que esteve nas investigações do caso Marielle Franco. A casa é avaliada em R$ 603.803,54.

O deputado Douglas Garcia se pronunciou no Twitter sobre o assunto e afirmou que iria fazer um boletim de ocorrência na delegacia.

 

Mais Lidas