Pandemia

Entrega de encomendas atrasa em Caruaru após carteiro pegar covid-19

Mercadorias ficaram acumuladas no Centro de Distribuição

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 05/06/2020 às 11:23
NOTÍCIA
Reprodução/TV Jornal Interior
FOTO: Reprodução/TV Jornal Interior
Leitura:

A entrega de encomendas está sofrendo atraso em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. O Centro de Distribuição dos Correios ficou 14 dias fechado após um carteiro contrair a covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. As atividades retornaram nessa quinta-feira (4), mas mercadorias e correspondências estão acumuladas no local e ainda precisam ser separadas.

De acordo com o representante do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios em Caruaru, Jim Kelly, o carteiro foi diagnosticado com a doença no dia 17 de maio. Depois disto, a Justiça decidiu por manter a unidade fechada. De acordo com ele, o sindicato pediu que o prédio fosse higienizado e os outros trabalhadores do centro fossem testados, o que não ocorreu.

"Se tivesse sido feito isso, só precisaria ter ficado fechado de dois a três dias. Mas por economia e desrespeito à população, decidiram deixar fechado durante o tempo de quarentena do vírus", lamentou. Ainda de acordo com o sindicato, 60 carteiros trabalham em um ambiente de 200 m² fechado, o que poderia contribuir para a contaminação.

Cada carteiro entrega em média de 700 a 800 correspondências por dia. Com a pandemia do novo coronavírus, os pedidos por encomendas na internet aumentaram em torno de 30%. Como o centro passou duas semanas fechado, as encomendas se acumularam e será necessário separá-las para começar a distribuir.

Os Correios ainda não se pronunciaram sobre a situação.

Mais Lidas