Pagamento

Auxílio emergencial: entenda em que fase do calendário está cada lote

Calendários são divulgados seguindo os lotes de beneficiários

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 16/07/2020 às 13:22
NOTÍCIA
Jailton Jr/JC Imagem
FOTO: Jailton Jr/JC Imagem
Leitura:

O pagamento do auxílio emergencial do governo federal é dividido em lotes pela ordem de aprovação para receber o benefício. Os calendários de pagamento e de saque são divulgados seguindo os meses em que cada grupo foi aprovado para receber a primeira parcela.

Os integrantes do lote 1 são os que foram aprovados em abril. O lote 2 é formado pelos beneficiários aprovados em maio. Fazem parte do lote 3 os aprovados no início de junho e do lote 4, os aceitos no fim de junho.

Pagamento da quarta parcela do auxílio emergencial começa no dia 20 de julho; veja calendário

> Dataprev conclui análise de contestações do auxílio emergencial

Os beneficiários que integram o lote 1 já receberam a terceira parcela através da poupança social digital, de 27 de junho a 4 de julho. Os valores poderão ser sacados por este grupo a partir do próximo sábado (18), seguindo o mês de aniversário, até o dia 19 de setembro.

As pessoas do lote 2 receberam a segunda parcela entre 27 de junho e 4 de julho, pela poupança digital, e poderão sacar o benefício de sábado (18) até 19 de setembro, também seguindo o mês de nascimento.

Os aprovados do lote 3 receberam a primeira parcela nos dias 16 e 17 de junho. Os saques deste grupo começaram no dia 6 de julho e terminaram na última terça-feira (14), após antecipação por parte da Caixa. O prazo final era previsto para o sábado (18).

Os beneficiários do lote 4 receberam a primeira parcela de 27 de junho a 4 de julho e irão poder sacar o valor de 18 de julho a 19 de setembro, seguindo o mês de aniversário.

Sem próximos calendários

Em suma, os lotes 3 e 4 receberam a primeira parcela; o lote 2 recebeu a segunda e o lote 1, a terceira. A quarta parcela do auxílio emergencial, que já faz parte da prorrogação do benefício, será paga primeiro aos inscritos no programa Bolsa Família, a partir de segunda-feira (20).

O Ministério da Cidadania ainda não informou quando será o pagamento das próximas parcelas para nenhum dos lotes de beneficiários. O ministro Onyx Lorenzoni, porém, garantiu que quem for elegível receberá as cinco parcelas sem maiores problemas.

Mais Lidas