menu

Ginecologista explica mudanças no ciclo menstrual e responde perguntas

Especialista tira dúvidas sobre saúde da mulher

Algumas questões precisam ser observadas pelas mulheres
Algumas questões precisam ser observadas pelas mulheres (Pixabay)

A ginecologista Libelina Motta participou de uma entrevista no estúdio do programa Cotidiano, da TV Jornal Interior, e tirou várias dúvidas que envolvem a saúde da mulher.

A especialista detalhou mudanças no ciclo menstrual, que estão ocorrendo com mais frequência durante a pandemia da covid-19: "A influência do stress afeta o ciclo menstrual, porque afeta diretamente os hormônios. Cada mulher vai responder de maneira diferente".

A ginecologista explicou também a diferença entre a secreção vaginal e o corrimento. Segundo ela, a secreção é comum a todas as mulheres que menstruam. Já o corrimento está relacionado a alterações na temperatura do ambiente, o uso de calças, de protetor diário, a forma que lava a roupa íntima, entre outros. "[Para saber se é corrimento], depende da quantidade, se tem ardor, coceira, a cor influencia. Tem outras questões relacionadas", destacou.

Outra questão relacionada à saúde das mulheres é o mioma, que tem entre os sintomas sangramentos, dor e desconforto abdominal. O mioma costuma se desenvolver em mulheres entre 30 e 45 anos e tem relação com a hereditariedade. "Nem todo mioma é necessário cirurgia, é possível conviver com o mioma", explica.

A ginecologista respondeu ainda perguntas sobre a infertilidade, anticoncepcional e problemas como a síndrome do ovário policístico e a endometriose.

Em caso de alterações no corpo, a orientação é procurar um especialista para marcar uma consulta. A partir da realização de exames, será possível buscar soluções para o problema.

Veja a entrevista:

Ginecologista explica mudanças no ciclo menstrual e responde perguntas

  • 12/08/2020 16:21
A ginecologista Libelina Motta participou de uma entrevista no estúdio do programa Cotidiano, da TV Jornal Interior, e tirou várias dúvidas que envolvem a saúde da mulher. 20 minutos e 12 segundos