menu

Nordeste pode ter segunda onda de coronavírus, afirma comitê

O Comitê do Consórcio Nordeste vem recomendando às autoridades da região que sejam instalados estandes sanitários em todos os aeroportos da região

O estado já totaliza 132.590 diagnósticos
O estado já totaliza 132.590 diagnósticos (Freepick )

De acordo com alerta do Comitê Científico do Consórcio Nordeste, a região Nordeste pode ter uma segunda onda de proliferação do novo coronavírus. A entidade enumerou pelo menos três fatores motivadores que podem ocasionar tal cenário catastrófico: o relaxamento nas medidas de contenção contra a covid-19, a proximidade do verão com a vinda de milhares de turistas para as praias, bem como ainda a realização de campanhas eleitorais.

>>> Médicos fazem alerta para aumento de casos de covid-19 no Recife

O Comitê do Consórcio Nordeste vem recomendando às autoridades da região que sejam instalados estandes sanitários em todos os aeroportos dos nove estados, que compreendem a região. Eles deverão estar dotados de equipes de saúde com folhetos informativos, equipamentos de aferição de temperatura e kits de testagem rápida de passageiros provenientes do exterior.

Análise

Sobre o Nordeste pode ter segunda onda de coronavírus, segundo Miguel Nicolelis, neurocientista e um dos coordenadores do comitê, "há um risco real de que nos próximos meses tenhamos um fluxo de portadores do Sars-CoV-2, até de cepas diferentes das que aqui prevalecem", disse à Folha de Pernambuco.