menu

Spray que mata coronavírus e protege máscaras por 48h é desenvolvido no Brasil

O produto utiliza sais de cobre que permitem criar uma barreira de proteção contra o vírus

O produto utiliza sais de cobre que permitem criar uma barreira de proteção contra o vírus
O produto utiliza sais de cobre que permitem criar uma barreira de proteção contra o vírus (Divulgação/Unicamp)

Desenvolvido por pesquisadores da Unicamp, em São Paulo, o "SprayCov" se mostrou eficaz para eliminar o coronavírus, bem como serve para proteger máscaras por até 48 horas. O produto utiliza sais de cobre que permitem criar uma barreira de proteção contra o vírus. As informações são da Rádio Bandeirantes. 

Em entrevista à Rádio Bandeirantes, a professora titular da Faculdade de Engenharia Química da Unicamp, Marisa Masumi Beppu, explicou de que maneira o líquido age. Segundo os cientistas, depois de aplicado o produto, o vírus é eliminado em até 1 minuto. 

De acordo ainda com a reportagem, além de combater o coronavírus, o spray também demonstrou eficácia contra outros tipos de vírus, como os da Influenza.

Patenteação
 

Após confirmados os resultados positivos, a Unicamp entrou com um processo no Instituto Nacional de Propriedade Industrial para patentear o "SprayCov". A universidade já recebeu algumas propostas para compra do Spray que mata coronavírus e protege máscaras por 48h.

Informações da Rádio Bandeirantes