Política

Ministro do Turismo é demitido pernambucano pode assumir cargo

Com a demissão, Marcelo Álvaro, deve reassumir seu mandato de deputado federal por Minas Gerais

Equipe NE 10 Interior
Equipe NE 10 Interior
Publicado em 09/12/2020 às 17:59
NOTÍCIA
Beto Barata/MTUR
FOTO: Beto Barata/MTUR
Leitura:

Em reunião, na tarde desta quarta-feira (09), no Palácio do Planalto, em Brasília, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) demitiu o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. Esta foi a 15ª troca de ministros feita por Bolsonaro desde o início do mandato.

Quem está cotado para assumir o cargo, não se sabe ainda se temporariamente ou não, é o presidente da Embratur, o pernambucano Gilson Machado Neto. Há a previsão de que Gilson Machado também se reúna com Bolsonaro ainda nesta quarta-feira. 

A saída de Marcelo Álvaro foi atribuída ao ministro-chefe da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos. Os dois vinham divergindo internamente porque o ministério passou a ser citado como moeda de troca por apoio no Congresso. 

Câmara

Com a demissão, Marcelo Álvaro, deve reassumir seu mandato de deputado federal por Minas Gerais. Marcelo ingressou na política em 2012, quando foi eleito vereador na cidade de Belo Horizonte.

Informações do Jornal do Commercio

Mais Lidas