presidente

Carteira de vacinação de Bolsonaro tem sigilo de 100 anos

De acordo com o Palácio do Planalto, os dados “dizem respeito à intimidade, à vida privada, à honra e à imagem” do presidente

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 08/01/2021 às 12:33
NOTÍCIA
Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil
FOTO: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil
Leitura:

Pelo próximo século, não será possível saber se o presidente da república, Jair Bolsonaro (sem partido), foi vacinado ou não. Isso porque o Palácio do Planalto decretou que a carteira de vacinação de Bolsonaro deve estar sobre sigilo pelos próximos 100 anos.

A medida foi descoberta por um jornalista da revista Época, Guilherme Amado, que tentou ter acesso ao documento tendo como base a Lei de Acesso à Informação.

Como resposta, o Palácio do Planalto afirmou que os dados que constam na carteira de vacinação de Bolsonaro “dizem respeito à intimidade, à vida privada, à honra e à imagem” dele.

Bolsonaro x Vacina

Ultimamente, o presidente da república tem feito declarações questionando a eficácia dos imunizantes que têm sido produzidos.

No entanto, última quinta-feira (6), Bolsonaro editou a Medida Provisória (MP)  1026/21, que flexibiliza regras para facilitar a aquisição de vacinas e insumos.

O texto possibilitará a aquisição de insumos e vacinas em fase de desenvolvimento e antes do registro sanitário ou de autorização de uso emergencial pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Mais Lidas