Covid-19

Governo de Pernambuco prorroga novamente suspensão de cirurgias eletivas em todo o Estado

Estão suspensos os procedimentos considerados não urgentes.

Eduarda Cabral
Eduarda Cabral
Publicado em 26/05/2021 às 10:10
NOTÍCIA
Helia Scheppa/ SEI
FOTO: Helia Scheppa/ SEI
Leitura:

Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) divulgou na noite da última desta terça (25) que as cirurgias eletivas que dependem de internação hospitalar estão suspensas até o próximo dia 6 de junho em todo o Estado. De acordo com a SES, o objetivo é evitar sobrecarga nos sistemas de saúde e destinar maior número de profissionais, leitos e insumos médico-hospitalares para o atendimento de pessoas suspeitas ou confirmadas para a infecção pela Covid-19.

As cirurgias marcadas estão suspensas desde o dia 8 de março e a última prorrogação havia sido feita no dia 8 de maio. Antes, estes procedimentos estavam suspensos até o dia 23 deste mês. Estas prorrogações são referentes a  procedimentos agendados previamente, ou seja, não urgentes, mas que podem ser adiados sem prejuízo à saúde do paciente.

Com a medida, o governo estadual pretende “evitar sobrecarga nos sistemas de saúde e destinar maior número de profissionais, leitos e insumos médico-hospitalares para o atendimento de pessoas suspeitas ou confirmadas para a infecção pelo novo coronavírus”.

São consideradas cirurgias inadiáveis as oncológicas, cardíacas, transplantes e procedimentos que possam causar dano permanente ao paciente em caso de adiamento. Também estão permitidas cirurgias ambulatoriais que não demandam internamento hospitalar e está autorizado o funcionamento das unidades de consultórios, clínicas, laboratórios e hospitais com a realização de consultas, procedimentos diagnósticos e terapêuticos ambulatoriais, além dos serviços de urgência e emergência.

Casos em Pernambuco

De acordo com o último boletim epidemiológico, divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco, o Estado registrou na última terça-feira (25) 3.533 casos da Covid-19. Agora, Pernambuco totaliza 467.269 casos confirmados da doença. Na terça também foram confirmados 72 novos óbitos, e o Estado totaliza 15.465 mortes pela doença.

Mais Lidas