no Mato Grosso

Mãe e filha são vítimas de estupro coletivo depois de encontro com homem que conheceram pela internet

A jovem, de 19 anos, mantinha relações com um dos suspeitos do estupro e teria ido à casa dele com a mãe.

Eduarda Cabral
Eduarda Cabral
Publicado em 16/06/2021 às 9:00
NOTÍCIA
Márcio Fidélis/Prefeitura de Juscimeira
FOTO: Márcio Fidélis/Prefeitura de Juscimeira
Leitura:

Uma mulher, de 34 anos, e sua filha, de 19, foram vítimas de um estupro coletivo no Distrito de Santa Elvira, no Mato Grosso, entre o sábado (12) e o domingo (13). De acordo com a Polícia Civil, há sete pessoas suspeitas de envolvimento no crime, entre elas dois adolescentes, que foram levados à delegacia na última segunda-feira (14).

Três suspeitos foram autuados em flagrante pelos crimes de estupro, importunação sexual, lesão corporal e corrupção de menores. Outras quatro pessoas prestaram depoimento na delegacia como testemunhas e foram liberadas.

Encontro com os suspeitos

No fim de semana do crime, as duas mulheres, que moram em Cuiabá, foram passar o fim de semana em Santa Elvira com outras quatro pessoas. Uma delas era um homem, de 26 anos, com quem a jovem de 19 anos mantinha relacionamentos através da internet. 

A investigação aponta que o suposto namorado e outros dois homens teriam cometido o crime de estupro coletivo com a mãe e a filha durante uma festa no sábado (12). Segundo a polícia, o suspeito possui várias passagens criminais e saiu há cerca de um mês da penitenciária da Mata Grande.

Mais Lidas