serial killer de brasília

Saiba quem é Babaçu, o caçador que ajuda nas buscas a Lázaro Barbosa e promete achar o serial killer

O homem dorme na mata, corre descalço e diz conhecer bem a região.

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 23/06/2021 às 9:35
NOTÍCIA
Reprodução
FOTO: Reprodução
Leitura:

Além dos quase 300 policiais e agentes de segurança pública que fazem parte da força-tarefa em busca de Lázaro Barbosa, o "serial killer de Brasília", um homem reforça o efetivo. O caçador que é conhecido como Babaçu e não teve seu nome de batismo revelado é um caçador que mora perto de Cocalzinho, em Goiás, e afirma conhecer bem as matas onde o suspeito de cometer a chacina está escondido.

Babaçu gravou um vídeo, que foi publicado na internet, e se ofereceu para ajudar nas buscas a Lázaro. O homem contou que perdeu o pai aos 5 anos de idade e que começou a caçar aos 7 anos. A Record e o portal Metrópoles disseram que Babaçu pediu dinheiro, uma arma calibre 12 e roupas camufladas do Exército para ajudar nas buscas

"Já fui o melhor maratonista da região. Há uns seis meses, não estou caçando mais, mas o mato é minha casa. Se levar eu, se der o que eu quero, eu consigo achar esse cara para vocês. Dentro do mato é minha casa. Eu já matei bicho demais na minha vida para comer e vender. Eu só quero uma 12 e uma camisa e uma calça do Exército, que eu consigo achar ele", disse o homem. "Eu só quero o último lugar que ele teve, eu acho ele", prometeu Babaçu em vídeo publicado nas redes sociais. 

Imagens divulgadas nas redes sociais mostram que Babaçu começou a trabalhar já na tarde da segunda-feira (21). As fotografias mostram que ele usa um colete balístico. Moradores da região dizem aprovar a participação do homem, tendo em vista que, aparentemente, os policiais que fazem as buscas parecem não conhecer bem a localidade.

"Queria que os caçadores da minha comunidade entrassem junto com a polícia, mas minha voz não foi ouvida. O meu marido conhece a fazenda, cada vizinho conhece sua a fazenda e entrariam junto com a polícia e cercaria. Acredito que em 3h ou 4h eles pegariam (Lázaro) com toda certeza", disse à Record Jorlene Costa.

Entenda o caso 

Desde o dia 9 de junho Lázaro é apontado como sendo o autor do assassinato de quatro pessoas de uma mesma família na cidade de Ceilândia, no Distrito Federal. Ele fugiu do local e continua se escondendo nas matas que ficam entre as cidades de Edilândia e Cocalzinho de Goiás. 

Um caçador conhecido como Babaçu, que mora na região, se ofereceu para ajudar nas buscas. Ele, que diz que pode dormir na mata e descalço, foi recrutado por uma equipe da Polícia Federal, de acordo com informações do portal Metrópoles. 

Nas ocasiões em que os agentes estiveram próximos do suspeito, ocorreu troca de tiros e alguns deles chegaram a ficar feridos. Muitos moradores da região chegaram a abandonar as suas casas nos últimos dias por medo de Lázaro. Isso porque ele foi agressivo e violento nos locais por onde passou, fazendo reféns fumarem maconha e famílias de refém, sob a mira de um revólver. 

A mãe e a companheira de Lázaro, com quem ele tem uma filha de dois anos, já chegaram a dar entrevista a diversos veículos de imprensa pedindo para que ele se entregasse, pois temem pela vida do mesmo. 

*Com informações da Rádio Jornal, Record e Metrópoles

Mais Lidas