Projeto

Lei Marília Mendonça que obriga sinalização de torres de energia é aprovada em comissão no senado

Obrigações de sinalização buscam trazer mais segurança para transporte aéreo

Marília Pessoa
Marília Pessoa
Publicado em 01/12/2021 às 16:27
Notícia
Divulgação/Prefeitura de Caruaru
Cantora Marília Mendonça - FOTO: Divulgação/Prefeitura de Caruaru
Leitura:

Um projeto de lei que define critérios para sinalização de linhas aéreas de transmissão de energia elétrica foi aprovado nessa terça-feira (30) pela Comissão de Infraestrutura (CI). A relatora Kátia Abreu apresentou uma emenda para nomear a proposta como Lei Marília Mendonça, para homenagear a cantora que faleceu após o avião em que estava colidir com redes elétricas no interior de Minas Gerais no dia 5 de novembro.

..

"Fiquei muito triste com sua morte. Eu e toda a minha família, em especial meu filho Iratã, que mora em Goiânia e é um fã ardoroso de Marília Mendonça e até com certa proximidade. O acidente foi uma fatalidade? Sem dúvida. Mas uma fatalidade que poderia ter sido evitada. Essa lei que votamos aqui pode evitar novos choques de aeronaves", disse Kátia.

Segundo ela, as obrigações para empresas da área de energia elétrica têm o objetivo de trazer mais segurança para o transporte aéreo. O projeto afirma que deverão ser sinalizadas todas as linhas de transmissão e as torres deverão ser pintadas com cores que ajudem na identificação dos pilotos.

Além disso, o projeto também permite que as concessionárias e permissionárias de transmissão e distribuição de energia elétrica utilizem placas de advertência para complementar à pintura de suportes.

O texto seguirá para análise da Câmara, caso não haja recurso para votação em Plenário.

*Com informações da Agência Senado

Morte de Marília Mendonça

Após um trágico acidente de avião na Serra da Caratinga, interior de Minas Gerais, a cantora Marília Mendonça morreu aos 26 anos. Ela se dirigiu ao local para realizar uma apresentação na cidade, sendo esperada por cerca de 8 mil pessoas.

Polícia Civil de Minas Gerais divulga causa da morte de Marília Mendonça

Toda a tripulação presente no avião morreu no local. Além de Marília Mendonça, o piloto, o copiloto, o seu produtor Henrique Ribeiro e o seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho também faleceram no local. A informação foi divulgada pelo Corpo de Bombeiros e confirmada pela Polícia Civil.

Antes de morrer, Marília Mendonça deixou 98 músicas registradas sem gravar

Comentários

Mais Lidas