religião

Música gospel é declarada Patrimônio Cultural Imaterial do Recife

Texto do projeto, apresentado pelo vereador bolsonarista Pastor Júnior Tércio, foi sancionado pelo prefeito João Campos

Gabriela Luna
Gabriela Luna
Publicado em 10/01/2022 às 7:22
Notícia
FAUSTO JR/DIVULGAÇÃO/IEADPE
A dupla gospel pernambucana Canção e Louvor tem mais de uma década de carreira - FOTO: FAUSTO JR/DIVULGAÇÃO/IEADPE
Leitura:

Na edição desse sábado (8) do Diário Oficial do Recife foi publicada a sanção do prefeito João Campos à lei municipal que declara a música gospel como Patrimônio Cultural Imaterial da capital pernambucana.

..

O projeto de lei Ordinária de número 363/2021 é do vereador Pastor Júnior Tércio (Podemos).

“A música gospel se tornou um patrimônio nacional, e por que não dizer mundial, de sorte a merecer a declaração de ‘Patrimônio Cultural Imaterial do Município do Recife’. Esta iniciativa valoriza a cultura gospel e a eleva ao nível das demais manifestações culturais”, justifica o parlamentar.

O bolsonarista também cita  o número de protestantes que há no Estado de Pernambuco para validar sua proposição.

“Pernambuco é o Estado com maior concentração de evangélicos do Nordeste, tanto em números absolutos quanto em termos proporcionais. Um em cada cinco pernambucanos se declara protestante, de acordo com o censo do IBGE”, escreve.

Comentários


Mais Lidas