indenização

Saiba por que Joelma terá que pagar indenização a recifense por acidente de avião

Justiça determina que Joelma pague o valor a mulher que teve a casa destruída

Gabriela Luna
Gabriela Luna
Publicado em 08/06/2022 às 8:17
Notícia
Reprodução/Internet
A cantora Joelma falou sobre o período em que passou com Covid-19 - FOTO: Reprodução/Internet
Leitura:

Ocorrido em 2008, o acidente do avião da banda Calypso no Recife, ainda segue em batalha judicial. A 5ª Vara Cível da Capital do Tribunal de Justiça de Pernambuco deu cumprimento de sentença favorável a Adriana Tibúrcio de Souza, obrigando a JC Shows Ltda (antiga empresa de Joelma e Chimbinha) a pagar indenização pelos danos de ter parte de sua casa destruída na queda da aeronave.

Entretanto, diante da separação do casal, a empresa se tornou insolúvel, e o advogado Henrique José Felix de Lima - que representa Adriana Tibúrcio de Souza - entrou com um pedido de desconsideração de personalidade jurídica, fazendo com que Joelma respondesse pelo processo.

Até 2017, o valor solicitado à JC Shows era de R$ 61.519,03. De acordo com o advogado de Adriana, o valor já passa de R$ 130 mil na atualidade - com os percentuais de honorários, multas de execução e correção monetária.

..

Vítimas e feridos do acidente

Em 23 de novembro de 2008, um avião bimotor de pequeno porte pertencente à Banda Calypso caiu no bairro de San Martin, na Zona Oeste do Recife. Ele levava oito passageiros e dois tripulantes de Teresina (PI) para o Recife.

Apesar do avião pertencer ao grupo, nenhum músico estava no voo.

Morreram no acidente Gilberto Silva, 46 anos, produtor da banda Calypso e passageiro da aeronave, e o piloto Eurico Pedroso Júnior.

Entre os feridos estavam o deputado federal Eduardo da Fonte (PP), Rogério Paes Silva, produtor da banda Calypso, e o empresário Valmir João de Oliveira.

Comentários

Mais Lidas