menu

Ambulantes protestam pedindo ampliação de prazo para mudança de local em Caruaru

Comerciantes fizeram novo protesto nesta terça

Ambulantes fazem protesto em Caruaru
Ambulantes fazem protesto em Caruaru (Giovani Gomes)

Os vendedores ambulantes estão realizando um protesto na manhã desta terça-feira (22) no centro de Caruaru, no Agreste pernambucano. Os ambulantes desejam continuar no centro da cidade até o final do mês de dezembro deste ano porque, segundo eles, ir para um novo local prejudicaria as vendas do fim de ano.

O protesto ocorre na Câmara de Vereadores do município. Um dos ambulantes, José, explica que a retirada atrapalharia as vendas da época que é muito importante para o faturamento deles: "Todos os ambulantes colaboraram com a retirada, mas queremos continuar aqui até o dia 31 de dezembro porque são os dois meses que favorecem os grandes e pequenos empresários. Se tivermos essa retirada no dia 29 para um camelódromo que não está adequado, que foi feito em um espaço para duas pessoas trabalharem, com o aperto que ficará nós não vamos conseguir vender nada e não terá como trabalhar".

Até o fim da manhã, o protesto ocorria de maneira pacífica e os ambulantes aguardam reunião com os representantes, para buscar o apoio dos vereadores.

Na última sexta-feira (18), os ambulantes realizaram um protesto na rua Quinze de Novembro para reivindicar melhorias e para que a prefeitura do município atenda aos pedidos feitos pela categoria. Um dos principais pedidos era que prefeitura da cidade estendesse o prazo de realocação para o novo espaço na rua Leocárdio Porto até o dia 30 de dezembro. A data limite dada pela gestão municipal para a mudança é até o final de outubro.

Requalificação do centro

O Comércio na Praça faz parte da requalificação do centro e tem a promessa de trazer melhorias nas condições de trabalho, segurança e variedade de produtos. Recentemente, os ambulantes cadastrados participaram do sorteio das vagas do projeto e conheceram os novos locais de trabalho no Largo dos Guararapes, Praça Leocádio Porto e Largo da Conceição.