menu

Rodízio de abastecimento de água em Caruaru é reduzido a partir desta quarta

Ciclo será de cinco dias com água e dez dias sem

Cerca de 29 bairros vão ficar sem o abastecimento de água
Rodízio de abastecimento de água em Caruaru é reduzido a partir desta quarta (Foto: Divulgação)

O rodízio no abastecimento de Caruaru, no Agreste pernambucano, será reduzido a partir desta quarta-feira (1º). O ciclo de abastecimento será de cinco dias com água e dez dias sem. Desde agosto de 2019, a distribuição seguia o ciclo de cinco dias com água e 15 sem. Na zona rural, o regime de fornecimento segue o calendário de dois dias com e 30 sem água.

Essa redução do rodízio foi possível devido ao aumento do volume acumulado na barragem de Tabocas, a qual é responsável pelo abastecimento de Santa Cruz do Capibaribe, também no Agreste, que conseguiu acumular água por causa das últimas chuvas e está com 45% de sua capacidade total que é de 13 milhões de metros cúbicos.

O Sistema Prata-Pirangi não está mais enviando água para reforçar o abastecimento do município vizinho, por isso é possível ampliar a oferta para Caruaru.

Ajustes serão finalizados

A presidente da Compesa, Manuela Marinho, solicitou à equipe técnica que sejam realizados os ajustes necessários para diminuir o rodízio na capital do forró. “Desde a semana passada já estávamos melhorando, gradativamente, a oferta de água para localidades como Luís Bezerra Torres, Rendeiras, Residencial Alto do Moura e José Carlos Oliveira. Finalizamos os ajustes necessários e, a partir de hoje, o novo rodízio está implantado”, explica.