Auxílio emergencial

Contestação aprovada: Caixa aguarda calendário para pagar primeira parcela a 805 mil

Primeira parcela será paga aos novos aprovados

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 29/07/2020 às 16:57
NOTÍCIA
José Cruz/Agência Brasil
FOTO: José Cruz/Agência Brasil
Leitura:

Após o anúncio pela Dataprev do envio de um lote de contestações do auxílio emergencial com mais de 800 mil novos aprovados à Caixa Econômica Federal, o banco informou que aguarda a publicação do calendário pelo Ministério da Cidadania e a liberação dos recursos para realizar o pagamento.

O lote inclui pedidos realizados entre 23 de abril e 19 de julho. Mais de 805.318 pessoas foram consideradas elegíveis por atenderem os critérios previstos em lei. Estas pessoas chegaram a ter o auxílio negado, mas tiveram a contestação aprovada.

"Existe essa publicação do calendário, entendo que será feita até o final dessa semana. Em realizando até o final dessa semana, nós começaremos [o pagamento] no meio da semana que vem, porque precisamos de dois dias para operacionalizar, mas precisamos ter o calendário do Ministério da Cidadania e receber os recursos", disse o presidente da Caixa, Pedro Guimarães.

A ideia é que os mais de 800 mil novos beneficiários recebam os recursos no mesmo calendário dos demais. "Vamos colocar nessa mesma esteira de pagamento dos ciclos e aquelas pessoas que nasceram em janeiro, fevereiro e março, que nós já começamos a realizar o pagamento, nós vamos acelerar o pagamento, mas depois realizar o no mesmo calendário do ciclo que nós anunciamos, para que não tenha confusão", explicou.

Com os novos aprovados, o número de beneficiários do auxílio emergencial sobe para quase 67 milhões, incluindo o Bolsa Família, o Cadastro Único e os inscritos pelo site ou aplicativo do auxílio.

Calendário

Os pagamentos do auxílio emergencial estão sendo realizados por meio de ciclos, nos quais cada beneficiário recebe a parcela seguinte à que recebeu no calendário anterior. Os aprovados que ainda não receberam nenhuma parcela recebem a primeira.

O Ciclo 1 começou no dia 22 de julho e vai até o dia 26 de agosto. Nesta etapa, os beneficiários recebem os recursos pela poupança social digital. Os saques em espécie vão de 25 de julho a 17 de setembro. A liberação dos valores segue o mês de nascimento das pessoas.

Contestação negada

Como a contestação só pode ser feita uma vez, as pessoas que tiverem o resultado negado não poderão mais recorrer ao aplicativo ou site da Caixa. Apesar disto, é possível entrar com pedido de contestação de resultado por meio da Defensoria Pública da União, através de uma parceria com o Ministério da Cidadania.

Mais Lidas