Saúde

Hospital da rede particular de Caruaru suspende cirurgias eletivas; Entenda

Unidade de saúde está com leitos completamente lotados por causa da covid-19

Marília Pessoa
Marília Pessoa
Publicado em 25/05/2021 às 16:19
NOTÍCIA
Divulgação
FOTO: Divulgação
Leitura:

O colapso na saúde por causa da pandemia da covid-19 também está afetando a rede particular. Um exemplo disso é o Hospital Unimed, em Caruaru, no Agreste pernambucano, que está lotado e com um número crescente de pacientes com a doença que necessitam de atendimento e internação.

Em entrevista, na tarde desta terça-feira (25), à Rádio Jornal Caruaru, o presidente da Unimed, Doutor Pedro Melo, informou que a situação chegou ao limite e, por isso, o hospital optou por suspender todas as cirurgias que puderem ser adiadas porque há falta de insumos, medicamentos e oxigênio. Os pacientes com cirurgias marcadas serão avisados pelo hospital.

"Hoje, nós estamos com o hospital absolutamente lotado, com 92% da sua capacidade e 100% nas UTIs há mais de um mês", afirma. Segundo Melo, o hospital está tentando ampliar as vagas de leitos de UTI, mas já há pacientes na fila aguardando.

Apelo

Ele pediu à população que as pessoas que pudessem evitar o ambiente hospitalar, evitassem, para diminuir o risco de contágio da doença. "A gente faz um apelo para que, dentro do possível, evite estar dentro do hospital, evite fazer exames, evite consultas, evite cirurgias que podem ser adiadas, porque realmente a situação está muito delicada", reforça.

De acordo com o médico, é necessária a colaboração das pessoas para que as demandas por atendimento diminuam durante esse período delicado, uma vez que o número de pacientes que precisam do serviço por causa do coronavírus é muito alto.

Ainda nesta terça, às 17h, será realizada uma reunião para avaliar a situação. 

Mais Lidas