menu

Recife e Olinda avançam vacinação contra Covid-19 e municípios do interior ficam na retaguarda; veja diferença

Enquanto as duas cidades vacinam público com 43 e 45 anos, cidades como Caruaru, Garanhuns e Petrolina continuam acima dos 50.

Prefeitura de Caruaru dá início a vacinação de profissionais da educação
Vacinação contra Covid-19 em Caruaru (Reprodução/Edmilson Tanaka)

Na última quarta-feira (9), as cidades de Recife e Olinda deram passos para ampliar a vacinação contra a Covid-19 para mais faixas etárias. Durante a tarde, foi divulgado que a capital pernambucana começaria a vacinar pessoas com idade a partir dos 43 anos, enquanto no fim do dia a cidade de Olinda anunciou que vai dar início a vacinação de quem tem 45 anos ou mais.

O agendamento para a vacinação deste público alvo foi liberado ainda na quarta-feira pelo Recife e as doses já começam a ser aplicadas nesta quinta (10). A capital já alcançou a marca de 506.482 pessoas contempladas com pelo menos uma dose da vacina contra o coronavírus, o que representa cerca de 30% da população. Estes dados colocam Recife como a capital do Nordeste que mais aplicou doses contra Covid-19 até o momento e também colocam a cidade acima da média nacional de 23% no quesito de cobertura vacinal. 

Na cidade de Olinda, que também fica na Região Metropolitana, além da ampliação da vacinação para pessoas com 45 anos, também foi liberada a imunização dos profissionais de imprensa, jornalistas e radialistas de qualquer idade que trabalhem em empresas de comunicação com sede na cidade. A ampliação, nas duas cidades, é voltada a toda a população, independente de possuir ou não comorbidades.

Interior de Pernambuco

Apesar do avanço na vacinação nestas cidades representar um ponto positivo somado às estratégias de combate ao vírus, a medida fez com que os municípios do interior do Estado ficassem na retaguarda e surgiram questionamentos a respeito da distribuição igualitária dos imunizantes para todas as 184 cidades de Pernambuco.

Cidades que movimentam a economia, educação, saúde e outros diversos setores no interior de Pernambuco ainda continuam estagnados nas faixas etárias acima dos 50 anos. Confira como está a vacinação de acordo com o que consta nas plataformas de agendamento de cada município:

• Caruaru (Agreste): acima dos 52 anos
• Garanhuns (Agreste): acima dos 50 anos
• Belo Jardim (Agreste): acima dos 55 anos
• Pesqueira (Agreste): acima dos 55 anos
• Limoeiro (Agreste): acima dos 50 anos
• Serra Talhada (Sertão): acima dos 59 anos
• Petrolina (Sertão): acima dos 53 anos

Por meio de nota, a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) informou que a distribuição das vacinas contra a Covid-19 é feita de forma proporcional para todos os municípios. A SES esclareceu que cada cidade é contemplada com o mesmo percentual do público referente a categoria beneficiada no momento.

A nota reforça ainda que a Secretaria tem pactuado com gestores municipais a respeito do andamento da campanha de vacinação no Estado e que tem prezado pela transparência e diálogo durante todo este processo. Além disso, cada município tem autonomia para avanças com o plano de vacinação de acordo com a disponibilidade de doses e organização do processo de vacinação.