Festas

João Pessoa, Fortaleza e Salvador não terão festa de Réveillon por causa da covid; saiba posição do Recife

Capitais estão cancelando festividades por causa do cenário da pandemia no país

Marília Pessoa
Marília Pessoa
Publicado em 30/11/2021 às 7:21
Notícia
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Confira decisão de cidades sobre realização de festas para virada do ano - FOTO: Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Leitura:

Por causa da pandemia da covid-19, diversas cidades estão cancelando as festividades públicas de final de ano, como o Réveillon. Nessa segunda-feira (29), o prefeito de Salvador (BA), Bruno Reis (DEM), anunciou que não haverá festa de Réveillon na capital baiana. De acordo com ele, a decisão foi motivada por causa do cenário incerto da pandemia no estado e no país.

..

"No cenário de incertezas, de dúvidas, não há como realizar o festival da virada esse ano, estamos a um mês da festa e chegamos ao limite dessa decisão. Como essa é uma decisão que dependeria exclusivamente da prefeitura, a decisão está tomada. Nós não realizaremos a festa. Diante de tudo que estamos vendo, ainda não é o momento de colocarmos em risco tudo o que construímos até aqui", disse.

Apesar disso, o gestor disse que está avaliando uma possível programação alternativa para a virada de ano.

Recife

No Recife, em Pernambuco, a situação ainda não foi definida. O JC procurou a prefeitura, mas a gestão ainda não deu posição sobre o assunto. Em nota, a prefeitura informou que a decisão está sujeita à deliberação das autoridades sanitárias.

"Até então, a cidade continua somando esforços no sentido de ampliar cada vez mais a cobertura vacinal de seus munícipes com estratégias de descentralização de imunização e de testagem em diversos locais da cidade, além de contar com 22 pontos de vacinação fixos, que funcionam de domingo a domingo, das 7h30 às 18h30", disse.

Situação em outros estados

O prefeito de Fortaleza, no Ceará, José Nogueira (PDT), disse que a realização de festa pública de réveillon está descartada por causa do coronavírus. Na última sexta-feira (26), ele disse que só serão permitidos eventos cumprindo as medidas previstas em decreto anterior.

Em Belo Horizonte, a prefeitura informou que “não planejou comemoração de Réveillon para a virada de ano”.

Na tarde dessa segunda-feira (29), o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena, disse que a Prefeitura não promoverá festas de rua para o Réveillon este ano para evitar a circulação de novas variantes da doença.

“Já temos mais de 86% da população vacinada com a segunda dose, mas é preciso cautela. Ao lado do Governo do Estado, resolvemos que o poder público não pode estimular aglomerações. Festa de rua impede medidas de controle, como a identificação de vacinados e do uso de máscaras”, disse o prefeito.

Palmas, no Tocantins, também anunciou nessa segunda-feira que não haverá programação de Réveillon pelo segundo ano consecutivo.

Já Florianópolis terá queima de fogos para a virada de ano, mas sem a realização de shows. A prefeitura anunciou na tarde dessa segunda que os planos não mudarão por causa da nova variante, Ômicron, da covid-19.

*Com informações do JC

Comentários

Mais Lidas