Educação à distância

Alunos da rede municipal de Caruaru terão aulas pela TV e online

Estratégias foram anunciadas nesta sexta-feira (8)

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 08/05/2020 às 13:51
NOTÍCIA
Divulgação/Prefeitura de Caruaru
FOTO: Divulgação/Prefeitura de Caruaru
Leitura:

Os estudantes da rede municipal de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, terão aulas pela televisão, pela internet, e acesso a material didático impresso durante a pandemia do novo coronavírus (covid-19). Os cerca de 43 mil alunos estão sem aulas presenciais desde o dia 17 de março, quando um decreto suspendeu as atividades das instituições de ensino na cidade. As estratégias serão realizadas a partir de parcerias.

Prefeitura de Caruaru publica decreto limitando acesso de clientes em mercados e farmácias

Caruaru registra mais cinco casos de coronavírus, incluindo uma morte

São João de Caruaru deverá ter formato virtual, com solidariedade como mote

Através de uma parceria com a Câmara Municipal, aulas e desenhos animados educativos serão exibidos através da TV Câmara. A programação será veiculada de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 10h, para alunos da Educação Infantil, Ensino Fundamental e EJA. As aulas podem ser acompanhadas no canal 22.2. Para ter acesso ao sinal, é preciso ter instalada uma antena do tipo UFH. O material foi disponibilizado pela Fundação Roberto Marinho e TV PinGuim. O conteúdo terá tradução em Libras e será hospedado no canal da prefeitura no YouTube.

Na internet, os alunos poderão acessar a plataforma Aula em Casa, através do site da Prefeitura de Caruaru. Um menu levará o aluno para o conteúdo do interesse dele, com uma série de atividades. Através de outra ferramenta, a Plataforma Escola Mais, de São Paulo, alunos e professores poderão trocar informações. Os estudantes do ensino fundamental II (6º ao 9º ano) e EJA (Fases III e IV) terão videoaulas ao vivo e roteiros de estudo.

A prefeitura também irá disponibilizar materiais impressos, através de apostilas, para os estudantes. Para a educação infantil, será produzido um caderno para o Pré I e outro para o Pré II. Os estudantes de cada ano do ensino fundamental também terão o material disponibilizado. A quantidade de atividades foi pensada para um mês de aula.

Os alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) terão quatro cadernos de atividades (um para cada fase). As apostilas serão entregues nas casas dos alunos, para evitar aglomerações em escolas. Em todos os casos, haverá um material específico para que os pais possam orientar crianças e jovens com deficiência.

As equipes de acompanhamento pedagógico, formadores especialistas da Gerência de Ensino e profissionais das unidades escolares receberam formação sobre as ferramentas e plataformas, para acompanhamento dos alunos. Além das plataformas já citadas, os professores terão apoio complementar, com acesso aos materiais impressos, recursos digitais, indicações de videoaulas e aplicativos.

Mais Lidas