Mistério

Mais dois pacotes de sementes misteriosas são encontrados em Pernambuco

Ao todo, quatro pacotes já chegaram no estado

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 08/10/2020 às 12:14
NOTÍCIA
Divulgação/Polícia Federal
FOTO: Divulgação/Polícia Federal
Leitura:

Mais dois pacotes de sementes misteriosas foram encontrados em Pernambuco. De acordo com a Superintendência do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o terceiro pacote foi encontrado nessa quarta-feira (7) no bairro da Várzea, no Recife. A Polícia Federal identificou o envio de um quarto pacote para uma casa em Bezerros, na Zona da Mata.

A etiqueta do pacote que chegaram em Barreiros dizem que ele tem origem de Taiwan, na Ásia. As sementes também vem da China, Malásia e Hong Kong. 

Ao todo, quatro pacotes já chegaram em Pernambuco, sendo os dois primeiros encontrados em Águas Belas, no Agreste pernambucano, e outro em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana.

Governo Federal alerta a não abrir pacotes de sementes

O Ministério da Agricultura, Pecuária e do Abastecimento está recomendando a população para não abrir encomendas recebidas pelos Correios de pacotes de sementes misteriosas. Caso o destinatário venha a receber tal produto do exterior, a pasta federal está solicitando que seja feita o repasse do produto para uma das unidades do ministério no estado de sua origem. 

Nas amostras inspecionadas foram identificados tanto fungos como bactérias.

“Estamos falando de um material que não foi solicitado, não tem controle, não sabemos direito a origem e pode introduzir na nossa agricultura pragas, pode ter plantas daninhas de impacto negativo, pode introduzir fungos, bactérias. É importante a colaboração população de, ao receber esse material, encaminhar aos órgãos de agricultura”, disse o secretário de defesa agropecuária do Ministério da Agricultura, José Guilherme Leal.

A pasta federal vem alertando para as recomendações a serem adotadas nos casos de recebimento de sementes misteriosas. Evite jogá-las no lixo, no vaso sanitário ou descartá-la em qualquer ambiente, porque correm risco de germinar e se propagar sem nenhum controle.

Mais Lidas